Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]

Escola da Sinfônica de Indaiatuba promove semana de cursos gratuitos

Escola da Sinfônica de Indaiatuba promove semana de cursos gratuitos
A Escola de Música da Orquestra Sinfônica de Indaiatuba (EMOSI) promove, de 24 a 28 deste mês, uma programação de aulas gratuitas para a comunidade da cidade e região. O EMOSI de Portas Abertas é voltado para qualquer pessoa interessada em aprender mais sobre música e, ao longo da iniciativa, serão realizados cinco cursos, entre teoria e prática de instrumentos. As inscrições começam nesta segunda-feira, 17, de forma online.

A proposta, assim como todas as ações que permeiam o universo da EMOSI, é democratizar o acesso ao aprendizado de música àqueles que se interessam por ela – independente do repertório prévio, sempre possível de ser ampliado. Então, para estimular o potencial de futuros músicos, a Escola promoverá, durante o evento, aulas de Violino e Viola, Contrabaixo acústico, Sopros (flauta, clarinete e saxofone), Violoncelo e Musicalização infantil.

Cada encontro terá cerca de duas horas de duração e será guiado pelos músicos e professores David França, Valgerio Gianotto, Bruno Cabral, Alfredo Rezende, Sérgio Ribeiro, Joseane Porfirio e Jéssica Benedecte, profissionais que já atuam no ensino da EMOSI. A direção artística é do maestro Paulo de Paula e a coordenação pedagógica de Marcel Murari.

COVID-19 Ao participar das aulas, também é necessário levar comprovante de esquema vacinal de Covid-19 completo (duas doses ou dose única), ou pelo menos uma dose da vacina com apresentação de resultado negativo de teste para Covid-19 do tipo PCR, realizado até 48 horas, ou do tipo antígeno, realizado até 24 horas antes da data em questão. Menores de 12 anos devem respeitar a obrigatoriedade do uso de máscaras e demais protocolos de prevenção à Covid-19.

EMOSI DE PORTAS ABERTAS O projeto terá cinco dias de programação, com aulas às 16h e às 14h, a depender da grade, em dois locais: Centro Cultural Wanderley Peres e Estação Musical. As inscrições para participar vão até o dia 23, em um formulário online, disponível neste link.

Esta é uma iniciativa da AMOJI (Associação Mantenedora da Orquestra Sinfônica de Indaiatuba), por meio da EMOSI, e com apoio da Prefeitura de Indaiatuba, por meio da Secretaria Municipal de Cultura. O Centro Cultural Wanderley Peres fica na rua Padre Bento Pacheco, 802 – Centro; a Estação Musical está situada à rua Convenção, 1 - Jardim Pompeia. Ambos os endereços estão em Indaiatuba (SP). Mais informações pelo e-mail [email protected] ou pelo WhatsApp (19) 99937-2410.

PROGRAMAÇÃO

24/01 | 16h
Violino - professor: David França
Local: Centro Cultural Wanderley Peres

Contrabaixo acústico – professor: Valgerio Gianotto
Local: Estação Musical

25/01 | 16h
Flauta, clarinete e saxofone (sopros) – professor: Bruno Cabral
Local: Estação Musical

26/01 | 16h
Violino e Viola – professor: Alfredo Rezende
Violoncelo – professor: Sérgio Ribeiro
Local: Centro Cultural Wanderley Peres

27/01 | 14h
Musicalização infantil - professora: Joseane Porfirio
Local: Estação Musical

28/01 | 16h
Violino – professora: Jéssica Benedecte
Local: Centro Cultural Wanderley Peres

SERVIÇO
Emosi de Portas Abertas
Data: de 24 a 28 de janeiro
Inscrições gratuitas: clique aqui
Locais: Centro Cultural Wanderley Peres - rua Padre Bento Pacheco, 802, Centro, Indaiatuba, SP – MAPA AQUI
Estação Musical - rua Convenção, 1 - Jardim Pompéia, Indaiatuba, SP – MAPA AQUI
Informações: E-mail [email protected] | WhatsApp (19) 99937-2410

Escola de Música abre vagas remanescentes para diferentes instrumentos

Em paralelo ao evento, a EMOSI também abre inscrições, no dia 17, para vagas remanescentes em nove cursos, destinados ao público jovem, entre 7 e 21 anos de idade. Entre as opções, estão: Musicalização infantil, para crianças de 7 a 8 anos; Contrabaixo acústico, para quem tem entre 12 e 21 anos; Teoria musical, para jovens acima de 15 anos; Violino, Viola clássica, Violoncelo, Flauta transversal, Clarinete e Saxofone, todos para pessoas entre 9 e 18 anos.

Atualmente, a Escola atende 193 alunos, de forma integralmente gratuita e com a possibilidade de iniciar, posteriormente, a prática orquestral. Isso porque os estudantes em estágio intermediário de aprendizado, ou que se destacam nos estudos, são encaminhados para a Orquestra Jovem de Indaiatuba (OJI). No futuro, conforme avançam em suas experiências, os alunos também podem ser indicados para a Orquestra Sinfônica de Indaiatuba (OSI).

O processo de inscrição vai até o dia 6 de fevereiro e, entre os critérios para participar, estão a faixa etária, como mencionado anteriormente, e a necessidade de residir em Indaiatuba. O nível de vivência musical não é um requisito, basta apenas o desejo de aprender. Para se candidatar a uma das vagas, é preciso preencher o formulário disponível neste link.

Sobre a AMOJI

A AMOJI (Associação Mantenedora da Orquestra de Indaiatuba) é responsável pela manutenção da Orquestra Sinfônica de Indaiatuba, que vem se destacando por sua intensa atuação na divulgação e popularização da música orquestral. Realizando, anualmente, mais de uma dezena de concertos gratuitos, com participação de músicos do município de Indaiatuba (SP) e solistas de renome. Também promove o Encontro Musical de Indaiatuba (EMIn), que reúne uma série de concertos com grupos artísticos da Região Metropolitana de Campinas (RMC), além de masterclasses abertos para estudantes de música de todo país.

A Associação também é responsável por gerir e administrar a Escola de Música da Orquestra Sinfônica de Indaiatuba (EMOSI) e a Orquestra Jovem de Indaiatuba (OJI). Ambas viabilizam a muitos jovens instrumentistas da cidade e região oportunidade de desenvolvimento técnico e artístico, por meio de aulas gratuitas de instrumentos musicais, além de participarem dos ensaios e apresentações da Orquestra Jovem.



Nenhum comentário:

Bottom Ad [Post Page]